Frase toppanel

A impossibilidade de cumprir a generalidade das obrigações vencidas e o seu significado no conjunto do passivo ou as circunstâncias em que ocorreu, evidenciam a situação de insolvência - Art. 1.º do CIRE.

Verificada a incapacidade generalizada de cumprimento das obrigações ou quando o passivo é superior ao activo, o devedor tem o dever legal de se apresentar à insolvência no prazo de 60 dias ou, caso seja pessoa singular e pretenda beneficiar de medidas de protecção ao consumidor, nos 6 meses seguintes à verificação da situação - Art. 3º e 238.º do CIRE.

Introdução

Iniciar sessão Registar

Login to your account

Username *
Password *
Remember Me

Create an account

Fields marked with an asterisk (*) are required.
Name *
Username *
Password *
Verify password *
Email *
Verify email *
Captcha *
img-1 img-2 img-3 img-4 img-5 img-6

AJUDA NA REESTRUTURAÇÃO E RECUPERAÇÃO DE EMPRESAS

Conheça os meios que o Estado coloca ao alcance de Empresas e Empresários

RECUPERAÇÃO FINANCEIRA DE PESSOAS SINGULARES

Conheça as formas de recuperação económico-financeira das famílias

HISTÓRIAS DE VIDA REAIS

Relatos pessoais num país de grande fragilidade económica

RECUPERAR UMA EMPRESA

A insolvência é um risco natural e inerente à actividade das empresas. Que fazer

FAMÍLIAS TAMBÉM ABREM FALÊNCIA

Artigo do jornal Sol sobre recuperação financeira de pessoas singulares

CONHECER A INSOLVÊNCIA

O que todos deviam saber sobre o processo

Artigos de Insolvência

Anterior Seguinte Página:

Desvinculação no Crédito Habitação

Desvinculação no Crédito Habitação

As instituições bancárias podem agravar os encargos do empréstimo nas situações de divórcio, separação judicial de pessoas e bens, dissolução da união de facto ou falecimento de um dos cônjuges quando o empréstimo fique titulado por apenas uma das partes?    Quando decidimos comprar uma casa com...

15 Jun. 2020 Hits:123 Artigos
Ler mais

Moratórias de crédito alargadas até Março de 2021

Moratórias de crédito alargadas até Março de 2021

O Governo aprovou esta quinta-feira o prolongamento, por mais seis meses, ou seja, até 31 de Março de 2021, da moratória que permite suspender o pagamento mensal dos encargos com empréstimos, de forma total (capital e juros) ou parcial (apenas capital). A decisão do Governo, que alarga ainda o...

05 Jun. 2020 Hits:115 Artigos
Ler mais

DOAÇÕES PARA FUGIR AOS CREDORES?

DOAÇÕES PARA FUGIR AOS CREDORES?

São cada vez mais frequentes as doações a familiares ou pessoas especialmente relacionadas com o devedor, realizadas nas vésperas das acções executivas ou de insolvência. Remédio que se vende como “Santo”. Todavia, e como reza o ditado: “santos só no céu…e para quem acredita”. Realizadas na continência...

21 maio 2020 Hits:209 Artigos
Ler mais

Notícias

Anterior Seguinte

CLIENTES VÃO SER AVALIADOS ANTES DE OBTEREM CRÉDITO

Os bancos tem regras mais apertadas na comercialização... Ler mais

EVOLUÇÃO DO CRÉDITO AO CONSUMO

  A evolução do crédito ao consumo em fevereiro,... Ler mais

COVID-19 - O QUE ACONTECE AOS SEUS SEGUROS DURANTE A PANDEMIA?

Que cobertura tenho nos meus seguros? E a... Ler mais

Outros Artigos

Anterior Seguinte

INSPECÇÕES TRIBUTÁRIAS NÃO PODEM INCRIMINAR CONTRIBUINTES

 INSPECÇÕES TRIBUTÁRIAS NÃO PODEM INCRIMINAR CONTRIBUINTES

  O fisco solicita documentos ao contribuinte, pessoa singular ou colectiva – em alguns casos, sob pena de pagar uma coima por falta de colaboração. Com medo, desconhecimento... Ler mais

"PENSÃO" AO EX. CÔNJUGE APÓS O DIVÓRCIO

 "PENSÃO" AO EX. CÔNJUGE APÓS O DIVÓRCIO

  Temática cada vez mais frequente na sociedade portuguesa e difícil de executar – O dever de um dos cônjugues, no caso de divórcio ou separação... Ler mais

SUBSÍDIOS E IRS. SÃO ENTREGUES NA INSOLVÊNCIA?

SUBSÍDIOS E IRS. SÃO ENTREGUES NA INSOLVÊNCIA?

Declarada a insolvência, sendo admitido liminarmente o pedido de exoneração do passivo restante, o Tribunal fixa o rendimento disponível que o insolvente deve entregar ao... Ler mais

ARTIGO JN - MAIS FAMÍLIAS PEDEM AJUDA POR NÃO TEREM COMO PAGAR A RENDA

ARTIGO JN - MAIS FAMÍLIAS PEDEM AJUDA POR NÃO TEREM COMO PAGAR A RENDA

As associações que prestam apoio direto a famílias endividadas são unânimes: há mais pedidos de apoio e situações que se vão agravar no futuro A quebra... Ler mais

O QUE LEVA CENTENAS DE EMPRESAS A PEDIR A INSOLVÊNCIA?

O QUE LEVA CENTENAS DE EMPRESAS A PEDIR A INSOLVÊNCIA?

Por Luís M. Martins, Advogado*. O que leva centenas de empresas a pedir a insolvência (com ou sem plano de recuperação)? Impossibilidade de pagar juros, incumprimentos,... Ler mais

PORQUE RAZÃO AS PESSOAS E FAMÍLIAS PEDEM INSOLVÊNCIA?

PORQUE RAZÃO AS PESSOAS E FAMÍLIAS PEDEM INSOLVÊNCIA?

Por Luís M. Martins, Advogado*. O aumento do consumo em Portugal acompanhado pela facilidade de acesso ao crédito permitiu melhorar substancialmente o nível de vida. As... Ler mais

PESSOAS SINGULARES QUE RECORREM À INSOLVÊNCIA PAGAM CUSTAS?

PESSOAS SINGULARES QUE RECORREM À INSOLVÊNCIA PAGAM CUSTAS?

Desde 2004 que se discute se as pessoas singulares que requerem a insolvência com pedido de exoneração do passivo restante, estão ou não, a coberto... Ler mais

O PROCESSO ESPECIAL DE REVITALIZAÇÃO APLICA-SE A PESSOAS SINGULARES?

O PROCESSO ESPECIAL DE REVITALIZAÇÃO APLICA-SE A PESSOAS SINGULARES?

Opinião: Por Luís M. Martins.* Tenho sido questionado sobre a aplicação do Processo Especial de Revitalização, que entrou em vigor no dia 20.05.2012, suas vantagens e desvantagens para... Ler mais

PROCESSO ESPECIAL DE REVITALIZAÇÃO DE EMPRESAS (PER)

PROCESSO ESPECIAL DE REVITALIZAÇÃO DE EMPRESAS (PER)

Por Luís M. Martins, Advogado*. No que respeita à recuperação de empresas, o tecido económico empresarial português assiste a mais uma viragem – se tudo correr... Ler mais

SOBREENDIVIDAMENTO E RECUPERAÇÃO DE PARTICULARES

SOBREENDIVIDAMENTO E RECUPERAÇÃO DE PARTICULARES

Por Luís M. Martins, Advogado*. O aumento de insolvências de pessoas singulares revela que não são apenas as “empresas” que sucumbem à  realidade económica que abraçamos. A... Ler mais

Empresas e Particulares

Entrevistas e Opiniões

"A PRÁTICA FALIMENTAR" - DR. JORGE CALVETE, ADMINISTRADOR DE INSOLVÊNCIA.

"A PRÁTICA FALIMENTAR" - DR. JORGE CALVETE,  ADMINISTRADOR DE INSOLVÊNCIA.

"...Se por um lado somos uma sociedade cravada por uma camada social que consome acima das suas possibilidades por uma questão de necessidade imperiosa, em que efectivamente as despesas essenciais à sobrevivência do agregado familiar são superiores às receitas, agravadas por eventuais situações de desemprego de um dos membros do... Ler mais

27 Abr. 2020 Entrevistas Hits:21185

IVAN POSTIGO: ENFRENTANDO A FALÊNCIA

IVAN POSTIGO: ENFRENTANDO A FALÊNCIA

A palavra falência assusta a todos nós não? Realmente nos preocupa de fato ou é mais uma daquelas coisas que a gente acha que nunca nos atingirá? Falir quer dizer não ter com que pagar os credores, mas também fracassar.Fazem parte do nosso vocabulário frases como “o sol nasceu para todos”,... Ler mais

25 Abr. 2020 Entrevistas Hits:4528

LUÍS M. MARTINS: "ESTOU À BEIRA DA INSOLVÊNCIA, E AGORA?"

LUÍS M. MARTINS: "ESTOU À BEIRA DA INSOLVÊNCIA, E AGORA?"

Muitas pequenas e médias empresas (PME) atravessam dificuldades numa época de crise económica e financeira e algumas vêem-se confrontados com situações-limite. Deixar de pagar impostos ou pagar as contribuições para a Segurança Social são, quase sempre, os primeiros passos. Sair de uma espiral de dívidas não é um processo fácil,... Ler mais

24 Abr. 2020 Entrevistas Hits:10916